FANDOM


"Um dia você jogou um bichinho no rio. Não tinha motivos, apenas queria matar alguma coisa.

Então você o segurava debaixo d'água, e ele olhava pra você com os olhinhos brilhantes de filhotinho. Claro, o cachorrinho não entendia porque você fazia isso. Não nasceram com ódio, apenas amor.

Mas deixe-me dizer-lhe uma coisa... Se existe uma coisa pior do que o ódio, é o ódio que nasceu do amor.

Alguma coisa leva as pessoas aos rios agora. Você só encontrara seus corpos após várias semanas, comidos pelos peixes. Às vezes você poderá ver algo na água... Te encarando com olhos confusos de filhotinho. Algo que parecerá um corpo inchado de um cachorrinho afogado.

Não ouça o que ele lhe dirá..."

Durma

"Durma"