FANDOM


Olá, me chamo Roberto, tenho 40 anos e sinceramente não sei por que resolvi gravar esse vídeo... É bem provável que ninguém vá ver isso, mas seria bom deixar esse fato gravado...  Para caso aconteça algo pior comigo, saibam a realidade do que acabou de acontecer... Não sei se foi uma trolagem que fizeram ou se isso foi sério... Mas vamos lá... Chega de enrolação e vamos para o papo que preciso ter com todos que possam estar assistindo.

É com você mesmo... E antes de qualquer coisa me desculpa pelo que possa acontecer com você após escutar oque aconteceu comigo...

Capa 01(1)

Bom, primeiro fato que tenho que contar é que nunca fui ligado à tecnologia, nem um pouco, mas devido todos da minha família terem as tais redes sociais em seus celulares, notebooks e computadores em geral, resolvi me atualizar...

E a mais ou menos uma semana atrás minha filha me ajudou a comprar um notebook usado, achando uma mulher que queria vender o notebook de seu filho.

E assim comecei a me acostumar com isso de internet e às funções que havia no computador. A primeira coisa que descobri com ele foi que tinha como gravar, não apenas tirar foto, mas podíamos deixar gravado tudo que iriamos querer lembrar futuramente.

Eu achei isso um máximo e tenho gravado algumas coisas durante essa semana... Mas enfim, vamos para o que está me deixando louco...

Nesse computador, como em todos imagino, tem a tal da lixeira e desde que eu comprei, nunca abri ela.

Mesmo vendo que desde sempre ela estava com algo dentro. Algo foi excluído e não era eu que havia feito isso...

Então hoje pela manhã... Olhei e pensei... Vou ver... O antigo dono deve ter se esquecido de apagar...

Aliás, nem peguei dele e sim da mãe dele... Pois ela quem havia postado a venda.

Então, meio que eu nunca o vi, ou se quer falei com ele... Mas acho que quando ele decidiu vender não excluiu por completo os arquivos e fotos que havia no computador...

Pois quando abri a lixeira tinha uma coisa dentro, eu restaurei ansioso para ver de fato oque deixaram ali...

Tinha uma pasta, apenas uma... Quando restaurei, abri e não achei estranho oque havia dentro, afinal era de um garoto.

Tinha alguns jogos, vídeos e fotos pornográficas, fotos dele, alguns textos intitulados "INTERNET" e oque me chamou mais a atenção... Aquilo que, sério mudou meu pensamento sobre tudo...

Havia um arquivo ali, que estava intitulado "SUICIDA.NET - P.f.v. não veja" ... Vocês sabem como que é a humanidade...

Qualquer um, até você agora ouvindo isso, sabe que quando vemos algo escrito "não veja" vamos querer ver...

Não sei por que, é um defeito que todos temos... Mas sério eu precisava ver aquilo... Então abri o arquivo...

E tinha um texto que me assustei de início pelo tamanho e logo após pelo título que havia acima de tudo...  "O TERCEIRO DIA NO INFERNO"

Aconselho a parar aqui... Não ouça isso... Sério... Se decidir ver assuma as consequências de seus atos... Mas vamos lá... O texto dizia o seguinte...

------- TERCEIRO DIA NO INFERNO --------

Meia Noite - Foi à hora de minha morte.

Eu não morri por causas naturais e sim por que cometi suicídio...

No dia 13 de maio de 2016... Uma sexta feira...

Antes de ficarem me julgando, "a olha o garotinho que se matou”...

Leia minha história até o final... Tenha coragem uma vez na vida...

Quero dizer para todos que verem isso, que enquanto eu estava vivo era muito, mas muito sarcástico e cético com tudo.

Sempre brincando, zombando e tirando sarro de tudo que me contavam que havia algo sobrenatural envolvido, dava risada.

Agora vou deixar aqui tudo que vi antes de morrer em sonhos, visões, alucinações...

Deixando bem claro que deixo o verbo morrer no passado por que agora que alguém está lendo, espero que alguém leia este rascunho, eu realmente já estou morto...

Mas, oque aconteceu foi o seguinte:

Era jovem, recém tinha completado meus 20 anos, quando por estar de saco cheio, de ver vários amigos meus falando de jogos macabros rituais e tudo... Chamei alguns deles para provar que isso não existia... Que tudo não passava de medo que eles sentiam e acabavam acreditando demais em tudo o que escutavam... Ficavam apavorados.

Eu precisava deixa-los mais calmos com tudo isso de assombração, fantasmas, demônios e o caralho a quatro...

Então propus jogar vários desses jogos de terror, dentre eles Charlie-Charlie, jogo do copo, tabuleiro ouija, entre vários, vamos ver qual que eles aceitariam...

Quando chegaram todos lá em casa, estavam meio com medo do que faríamos naquela noite, mas eu os encorajei dizendo que nada, absolutamente nada aconteceria, com ninguém, afinal esses coisas não existem, não concordam comigo?

Como ainda estavam todos com medo, mesmo eu tentando dizer que nada aconteceria naquela noite, eu resolvi botar a minha própria cara a bater e achei um jogo na internet que se chamava "JOGO DA CANETA"... Abri a página onde estava postado e li atentamente as instruções para fazê-lo...

Aparentemente um jogo para um jogador, não sei se fazia mal estar com mais pessoas no local ou sei lá, sei que o jogo funcionava da seguinte maneira...

Precisava para esse jogo, uma caneta e um papel, dizer uma frase em latim que significava comece o jogo e chamar algum espirito que possa estar no local...

Li todas as instruções e fiz, o texto mandava deixar sua mão fechada como se fosse dar um soco, e deixa-la do lado da folha, logo em seguida encostar a caneta em minha mão com sua ponta em cima do papel...

Fiz tudo certinho e para o meu espanto funcionou, não sei como, eu estava tirando uma com meus amigos, por que não daria certo...

Mas não sei como deu certo, simplesmente a caneta começou a se mexer em cima da minha mão, escrevendo um singelo "Olá"...

Eu, assim como todos, fiquei espantado, tentei tirar minha mão da folha, mas não consegui, esquecendo por um momento que não precisava de permissão para sair do jogo, mas que havia outra frase em latim para acabar com tudo aquilo... Uma tragédia eu ter esquecido... Pois o espírito, ou seja, lá oque estava me respondendo, começou a escrever mais e mais na folha... Ignorando oque eu falava... Só escrevia... E oque me espantou mais não foi nem estar se mexendo a caneta e sim oque ele estava escrevendo... Ele disse no texto que a partir dali eu saberia oque era o inferno... Ele me faria sentir o tempo do inferno de três dias... Pois ele não precisava mais que isso para me fazer querer me matar... Três dias da terra, seria como 50 no inferno... Eu paralisei ao ler aquilo...

Até que em um ato de desespero lembrei-me da frase para terminar o jogo e gritei enquanto chorando puxava minha mão... Então aquilo simplesmente escreveu “adeus”...

E acabei caindo no chão, bati a cabeça em um armário e fiquei desacordado por um dia inteiro... E esse foi o meu primeiro dia no inferno...

CRIADO POR HORROR T ...

CANAL NO YOUTUBE: https://www.youtube.com/channel/UCFhNE_88zNVggpTbzBNIkvQ

VÍDEO DA CREEPY PASTA: https://www.youtube.com/watch?v=-WKdR_JkbTI

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória