FANDOM


Olá, hoje trago algo experimental e quero saber o que acham, quero saber o sentimento que vocês sentiram ao ler minha creepy.bjs

Quem é a aberração?

Eu nasci diferente das outras pessoas, meus pais diziam que eu tinha uma deformidade que  chocaria as pessoas. Por isso eles me deixaram presa dentro do meu quarto. se eu adoecia, médicos e enfermeiras tinham que vir até  o meu quarto. Eu nunca ia até hospital na verdade só fui uma vez e eu era bem pequena na época, mas parece que tiveram que me enfaixar que nem uma múmia. Para ninguém me ver. Mas geralmente nunca saia da minha casa, nunca e nem do meu quarto. Eu nunca gostei disso. Acho um crime me privar de poder respirar o ar da vida que havia lá fora.

Passei horas e horas apenas lendo livros e resolvendo quebra cabeças. Porque era só isso que o meu pai e minha mãe comprava para mim. eles não queriam que eu estragasse minha vida com musicas, filmes, ou outro tipo de entretenimento banal.

eu queria tanto respirar fora desse quarto. Meu Deus meu coração suspira por algo novo, algo que só poderei encontrar fora desse quadrado silencioso.Essa droga de quarto branco sem janela só com uma porta de madeira. um dia minha mãe veio me trazer o almoço e ao sair deixou a porta mal fechada. eu corri até a porta e abri ela bem devagar, olhando então se ninguém estava por perto eu sai do quarto,

meu quarto ficava no segundo andar, eu então desci as escadas e fui parar na sala, de lá eu abri a porta e fui para fora de casa.

Ao ver o mundo pela primeira vez, senti o sol que bateu forte sobre meu rosto. senti uma brisa do vento calmo de verão que foi delicioso. notei que eu morava no subúrbio, cheio de casinhas coloridas, meu vizinho da frente estava lavando um carro vermelho . Ele não me viu pois estava ouvindo musica usando fone. então eu sorri, tomei fôlego e andando na sua direção eu gritei: oi!!!! Como uma boba continuei gritando, mas ele por causa do fone não ouviu.

Então eu atravessei a rua e um carro  quase me atropelou, ele freio bem na minha frente. O vizinho assustado com o barulho  olhou para mim. Ele arregalou os olhos e tomando de espanto gritou correndo todo  desesperado.

então do carro que quase me atropelou saiu uma mulher, ela parecia de  meia idade. Ao olhar para mim, ela aterrorizada cobriu o rosto com as mãos. Eu então vendo que todos fugiam de mim  tentei voltar para casa , mas outras pessoas começaram a aparecer e olhavam chocados para mim. Alguns apontavam para mim  e outros colocavam as mãos nas suas  bocas, como se estivessem chocados. Eles diziam coisas do tipo:  

-você viu o rosto dela? 

_Jesus o que é aquilo? 

_Coitada será que é algum tipo de doença? 

_Eu já vi isso , é uma doença mais não sei se contagiosa. 

Eu fui ficando aterrorizada  com todos esses comentários e comecei a corre para a casa, com os olhos cheios de lágrimas. Mas como não estava prestando atenção tropecei na grama do jardim e cai no chão. as pessoas me cercaram e ficavam me olhando. pareciam  abutres. Eu cobri meu rosto com as mãos. para impedir  eles de ficar me olhando.

meu pai e minha mãe assustados com a multidão que se formou no jardim da nossa casa correram para ver o que estava acontecendo.

Quando me viram eles ficaram assustados, meu pai correu dentro de casa e pegou um lençol e correndo de volta para fora jogou sobre mim . então minha mãe me abraçando me levaram para dentro. Meu pai ficou nervoso e gritava com a multidão; 

-qual é o problema de vocês nunca viram uma pessoa deficiência.

Vamos, vamos ande vão para suas casa.

Não a nada para verem aqui.

Mas um vizinho que era barbudo e bastante obeso disse:

-Joshi eu vi aquela coisa,  o que era aquilo?

Acho que você não deveria criar aquele troço aqui. Somos todos pessoas idôneas, pessoas decentes de família.

meu pai respondeu: 

-O quê? troço? coisa? Limpe sua boca porca seu animal. Você esta falando da minha filha.

O vizinho gordo com um sorriso asqueroso e mesquinho disse:

-Você não deveria chamar uma aberração de sua filha. Aquilo deveria estar em um Freak show, não em uma vizinhança saudável.

Meu pai ficou nervoso e perdendo a  cabeça deu um soco na cara do vizinho gordo. Então uma briga começou. Dentro de casa eu em prantos sentada no sofá com o lençol cobrindo meu rosto.  com minha mãe tentando me consolar dizendo:

-viu o que aconteça quando você tenta sair de casa? Eu não disse para nunca sair do quarto.

Minha mãe ouviu a briga que esta acontecendo lá fora, então ela olhando para mim disse: 

-meu bem fica aqui, não saia  daqui pelo amor de Deus, eu vou trazer de volta o seu pai. ela então correu até la fora e segurou meu pai por trás, outros vizinhos entraram e separaram a briga. Meu pai e mãe foram voltando para dentro de casa mas o vizinho gordo gritava alto:

-isso não acaba aqui, vou acabar com você seu desgraçado, não conseguiu nem ter uma filha saudável e agora quer descontar nos outros. Vou fazer de tudo para tirar  aquela coisa desse bairro.

alguns vizinhos  apoiavam o vizinho gordo e outros não sabiam o que dizer.

mais um vizinho que era pastor de uma igreja parou meu pai e mãe  antes que eles entrassem em casa, ele sorrido disse:

-não ligue para ele Joshi. Ele esta passando por muitos momentos difíceis a morte da esposa foi duro para ele. Mas eu tenho um primo que é medico e talvez ele possa te ajudar. Bem de qualquer forma eu estou aqui para ajudar você e sua filha.

Meu pai tentando se recompor com rosto sujo de sangue disse:

obrigado, minha mãe acenou para o vizinho pastor e ambos entraram em casa.

Fim.

Vocês devem estar se perguntando com o que se parece a menina da história? Bom abaixo eu irei postar uma foto, quero dizer que se você não tiver estômago fraco é melhor não olhar.

Gina mantegna gina U0Tmyww.sized-0
Ece309be16ef3a408942d12f5afa00fb-0

Os pais da menina-0

E agora olhe com oque se pareciam os vizinhos e os pais da menina.

Acho que o que fica é não sejamos preconceituosos e aprenda a respeitar a diferença dos outros. Então quem é a aberração? Bom ninguém, somos todos normais, somos todos iguais, No amor, na maldade, na mentira, na verdade. Então não me julgue que não irei julgá-lo, porque a resposta de quem somos esta dentro de nós.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória