FANDOM


Download (9)

Em qualquer cidade, em qualquer país, vá a qualquer instituição mental ou casa de recuperação em que você puder entrar. Quando chegar à recepção, mantenha o olhar no solo. Se você olhar ao redor já terá falhado. Na recepção, não se mova ou mude o foco de visão até que a atendente faça algum som, reconhecendo sua existência. Sem erguer os olhos, pergunte a ela a respeito do ser conhecido como "O Portador da Solidão". Assim que essas palavras forem proferidas, um gongo irá soar, fazendo o próprio chão sob seus pés tremer. Assim que o soar do gongo silenciar, você pode finalmente olhar ao seu redor.


Você se verá sob um céu estranho em um deserto vasto e mórbido, com apenas um caminho de pedra que segue rumo ao horizonte. No instante em que você estiver consciente desse deserto sem vida, deve começar a caminhar, pois eles sabem que você está lá. E eles não gostam de forasteiros.


Se as nuvens se aglomerarem no céu e as trevas invadirem o caminho, feche os olhos e se ajoelhe. Nenhum mortal jamais pousou seu olhar sobre os habitantes desse mundo. Conforme se ajoelha, deve implorar: "Eu não os conheço, nem desejo conhecê-los. Mas meu caminho está aqui e eu preciso segui-lo". Depois de pronunciar essas palavras, espere pelo julgamento deles. Se eles permitirem sua presença, você os sentirá indo embora. Se eles decidirem o contrário, então esse não era o seu destino. Ore para que eles acabem com sua existência rapidamente.


No fim de sua estrada jaz um pilar de obsidiana. Empoleirado no topo há uma gárgula feito da mesma pedra, ciente de sua aproximação. Ele apenas irá reagir ao som de uma pergunta: "Quem irá perecer?" uma vez que essas palavras forem ditas, a gárgula irá descer até você e suas asas te envolverão em trevas. Ali ele irá te mostrar a vida de cada ser humano, como estrelas na escuridão, e como elas piscam e se apagam. Por eras você assistirá às mortes daqueles que vieram antes de você e dos que ainda virão. Você irá experimentar a solidão deles enquanto os assiste morrer, sentindo o quão absolutamente separados eles estavam uns dos outros.


Isso irá prosseguir até que sua sanidade se despedace ou até que reste apenas uma luz. E então a gárgula irá falar: "não cabe a mim revelar seu fim, e isso não é o que você procura". Essas palavras ecoarão dentro de sua cabeça até o dia em que a tarefa estiver completa. Novamente você deve fechar os olhos, pois se você mantiver o olhar na última luz, a gárgula irá te devorar. Quando você fechar os olhos, sentirá como se estivesse sendo dragado pelas dimensões, girando infinitamente até que o chão sólido seja apenas uma vaga lembrança. Nesse momento você será lançado em um chão de pedra, e será como nascer de novo, como retornar à luz após eternidades nas trevas.


E assim que você abrir os olhos, verá ao seu redor um gigantesco e decadente salão de baile, com o chão de mármore rachado coberto de folhas mortas. Na extremidade afastada do salão você verá uma luz te chamando. Conforme você avança em sua direção, será capaz de distinguir algo pendurado na parede: um escudo negro decorado com símbolos macabros, aparentemente vivos e pulsantes. Você só precisa tirá-lo da parede para tomar posse dele.


No momento em que o escudo deixar a parede você estará de volta à recepção, onde a funcionária te olhará intensamente. Ela sabe o que você começou e te odeia por isso.


O escudo que você tem em mãos é o 41º Objeto dos 538. Reze para que ele possa te proteger do que está por vir.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória