FANDOM


Eu não sei se gostaria de falar sobre isso, mas, acho interessante que saibam.

Bom, moro numa cidade bem pequena e quase isolada no Embu-Guaçu junto com a minha família e a minha gatinha, a Lilica, a uns dez passos da minha casa, se encontrava um portão direto pra floresta, diziam que eram o caminho pra uma mansão abandonada, tanto que, no quintal de onde moro , tem um riacho que separa a minha casa da floresta.

Mas vamos ao que interessa...Era meu aniversário de 15 anos, estava de noite, meus amigos me levaram até a tal floresta, e me desafiaram "Quero ver você entrar lá, dizem que tem uma menina que fica assombrando o local" disse meu amigo Roberto "Quem entrou lá, nunca mais voltou", pra mim, ele queria me assustar, mas não estava tão assustado e nem sou medroso, tanto que pulei o portão e entrei.

Aquele local era tenso, as árvores longas e suas folhas verdes escurecidas não deixavam nem a luz da lua ultrapassar, o que via, era só o caminho de grama alta (Não era tão alta, mas dava pro gasto). Até que, eu tinha parado, meus olhos tinham visto uma coisa não típica de se achar em floresta, um coelhinho de pelúcia preto e branco, com olhos de botão delicadamente costurados, quando fui pegá-lo uma voz bem calma e suave disse "Não pegue nele", eu tentei ignorar e pegar de novo, mas a voz desconhecida disse "Por favor...", eu olhei pro lado e vi que tinha um canto daquele lugar que era iluminado pela luz da lua e naquele lugar tinha uma garota de vestido preto,branco e vermelho com uns sapatos tipo de sapateado pretos, o cabelo era marrom como a madeira das árvores e usava um laço vermelho, só não sabia como eram os seus olhos. Estava tipo "Quem é ela e o que faz aqui?", dei uns três ou dois passos e parei, comecei a encará-lá e ela vira para trás... Seus olhos eram de botão Puro, pretos, como o botão do coelhinho, me arrepiei no mesmo instante, andei um pouco para trás como se estivesse preparando para correr...

Ela tinha percebido o movimento...

Tanto que esticou o braço como se quisesse falar comigo...

Como se precisasse da minha ajuda...

Mas no mesmo instante, ela parou de esticar-lo, fechou suas mãos e as colocou entre o pescoço, agachou sua cabeça e começou a tentar não chorar até que...

Ela levanta a cabeça e grita...

E num segundo...

Ela desaparece...

Seu grito ecoava pela escuridão daquele lugar e...falando sério, estava muito assustado pra descrever o que sentia, a única coisa que fiz foi correr, e no meio do caminho ela reaparece, tive dois segundos pra pensar no que fazer e sabe o que fiz? Se você disse correr pro lado ,sim, você acertou, e enquanto corria avistei o portão, meus amigos estavam fazendo um gesto de "Vem cara, Vem", dei um impulso e consegui pular o portão, quando estava do outro lado, o Roberto e o Valdir (Uns dos amigos) me acudiram pra ver se eu tava bem, mas o Juan (Meu vizinho) olhou pro portão e disse "Corre", Roberto, Valdir e eu olhamos ele com um olhar de "Quê?", e ele disse de novo "CORRE" só que mais alto, quando eu tinha olhado pra onde ele tava olhando, saiba que tinha motivos pra correr mesmo...Ela tava lá...Não sei se encarando ou não mas estava lá. Eu começei a correr mais rápido que o próprio Flash. Quando cheguei em casa, não tive coragem de dizer pra todos o que tinha acontecido, e demorei um pouco pra dormir já que a minha janela tem a vista do quintal que, como já sabem, e divido com a tal floresta. No outro dia, Roberto, Valdir e eu fomos na casa do Juan pra falar com o vô dele já que estava por ali muito tempo que a gente, perguntamos pra ele sobre a garota, e ele nos responde:

"Lady Button?"

Até esse ponto, não sabia como ele conhecia ela.Mas então fiz mais uma pergunta "Como assim e quem é ela?", ele percebe que queria saber mais e nos responde:

"Antes de você morar por aqui, a família de um lenhador morava por lá com sua mulher e sua filha, a Isabela. Eu era muito amigo dele, tanto que íamos atrás de lenha juntos, mas um dia, a Isabela achou o boneco de Pelúcia de Coelhinho amaldiçoado, e pegou ele, depois disso, ela fugiu pra floresta, tanto que foi dada de desaparecida pela polícia da época.

Depois disso tudo, vivo normalmente por aqui em casa, mas prefiro não sair pro quintal mais por um tempo...Por um tempo...

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória