FANDOM


Slenderman vs laughing jack by okamisai-d6p16hc
A menina com seus 14 anos sai de casa, revoltada porque seus pais não deram dinheiro para ela ir numa festa. Com todo o ódio, ela foge de casa em umas 6 da tarde. Quase anoitecendo. Morava em uma cidade pequena, rodeada de uma floresta e altas montanhas. Ela saiu pelas ruas, com uma impressão de estar sendo observada. Ás ruas nem tanto movimentadas, pois já estava escurecendo, e a cidade tinha a fama de pessoas desaparecidas e outras encontradas torturadas em suas próprias casas, algum assassino a solta, ou dois, três, quem vai saber. Mas com o ódio que ela tinha, ela nem se lembrou de que tinha assassinos á solta. Ela prosseguiu seu caminho, e sentou num banco qualquer de uma praça nada movimentada, se esticou no mesmo e dormiu.
4620089-13a4de3c252fa228

Ela acordou, mas não estava mais na praça, estava numa floresta escura e com grandes árvores. Uivos de lobos e barulhos de corujas podiam ser ouvidos. Ela estava apavorada, morrendo de medo, olhava para todos os cantos e nada se via além de um breu, pois no céu, não havia nenhuma lua. Ela começou a chorar e sentou no chão, abraçando as pernas até que o local ficou silencioso. Ela chorando olhou em volta e viu um homem. Ela se sentiu aliviada, mas ao prestar mais atenção, não era um homem normal. Era um alto homem, usando um terno com gravata preta. Mas seu rosto... Aquilo não tinha rosto. E isso fez a garota ficar mais apavorada do que nunca. Era com certeza o momento de mais terror que ela havia passado em sua vida. O alto homem foi chegando perto da garota enquanto ela estava petrificada de medo, como se não conseguisse se mover, mas ela conseguia falar, e gritava, gritava mais e mais enquanto o homem sem rosto chegava perto dela. Ela começou a gritar e chorar enquanto dizia ‘’Mamãe, papai, me perdoe! ME PERDOE!’’  Mas de nada adiantava, pois o homem mais perto chegava, até que ela viu, quatro tentáculos saírem por de trás dele e ficarem em direção á ela. Os tentáculos então de uma só vez a atravessaram.

-Árghhhhhh – A garota gritou e se espantou ao perceber que ela estava em cima do banco ainda, onde ela estava dormindo.

-Ufa... Era apenas um pesadelo idiota...

O local onde ela estava já estava sem ninguém até ela ouvir sirenes. Era a polícia.

-Droga, meus pais sentiram minha falta e chamou a porra da polícia... Taquepariu em...

Ela se levantou e fugiu, correndo em direção a floresta. ‘’Aqui talvez eles não me peguem, depois eu volto, ou não... Eu odeio meus pais!’’ ela pensou... Garota boba, mal sabia o que a aguardava...

A garota caminhava pela floresta, calma e silenciosa. Árvores grandes sendo iluminadas pela lua cheia que se encontrava grande e branca no céu escuro. A garota ainda caminhava, pensando se já era hora de voltar para casa, mas sua rebeldia era maior, fazendo-a ficar mais tempo fora de casa. Ela caminhava chutando algumas pedras que via em seu caminho e tropeçando algumas vezes. Até que...

Ela olhou para frente, não tão longe dali ela viu uma casa, mas não parecia uma casa, parecia uma tenda, aquelas de circo, e estava bastante iluminado.

-Um circo? No meio da floresta? Dafuq?

Ela foi chegando mais perto do circo e viu que era todo monocromático, apenas duas cores, preto e branco. Ela já estava na frente do circo, o circo era todo pintado em preto e branco e havia uma porta toda branca e outra toda preta. E numa placa estava escrito ‘’Jack Risonho’’

-Jack Risonho? Acho que já vi esse nome em algum lugar... Acho que é uma história de terror... Uma Creepypasta, isso. Espera... Uma creepypasta? Não, essas coisas nem existem, só são estórias feitas por loucos hahaha... Mas o que custa né, só uma espiadinha não faz mal a ninguém...

Então sem demora, ela abriu a porta preta e viu um palco iluminado por 4 holofotes. Mas havia apenas uma cadeira toda preta, onde seria a arquibancada.  Ela apenas se sentou, esperou uns 30 segundos até que...

- Venham todos, adultos ou crianças, meninos ou meninas, jovem ou velho, conhecer, o mais fabuloso, o mais fantástico, o mais engraçado palhaço de todos os tempos... Sim, é ele... Jack Risonho!

Então palmas foram ouvidas, sendo que só tinha a garota ali.

Ela se assustou, pois era mesmo, o Jack Risonho em pele e osso, ou seja  lá do que ele é feito.

-Hm.. Só uma pessoa? Que peninha, acho que estou cobrando muito caro.

Risos ecoaram por todo o circo. Jack Risonho também riu, gargalhou, mostrando todos seus dentes não humanos. Eram dentes branquíssimos e afiados, pareciam dentes de tubarão. Seu cabelo meio grande e espetado parecia um anime em pessoa. Sua pele em total palidez. Branca igual papel. Seu nariz em forma de cone, apresentado duas cores apenas, preto e branco. Seus olhos azuis. Seus ombros cobertos por penas. Braços largos, também preto e branco. Dedos negros em forma de garra enquanto a palma está coberta com um tecido branco. Algo que parecia ser fitas enroladas em sua barriga. Uma calça meio cinza que batia até os joelhos, listrada de baixo pra cima com pequenos fio pretos. Um remendo quadrado preto onde fica a coxa. Um cinto de onde sai dois suspensórios que passa pelos ombros indo até o quadril de trás.

Era com certeza... Jack Risonho.

A menina se apavorou e correu de volta para a porta de onde entrou, mas não havia mais nenhuma porta, não havia mais nada por onde ela possa fugir. Ela estava com medo.  Jack então olhou para ela, sorrindo, mostrando seus horripilantes dentes. Então uma luz, do nada surgiu, iluminando ela.

-O que foi jovem menininha? –Disse Risonho, com um sorriso.

-V-você é.. VOCÊ É O JACK RISONHO!

-Sim garota, sou eu mesmo, em carne e osso, ou seja lá do que sou feito hehehe.

-VOCÊ É UM ASSASSINO! Você é uma Creepypasta. –Disse ela, já embarcada pelo medo de novo.

-Sim garota, eu sou uma Creepypasta hahahaha.

E de novo, palmas ecoaram pelo circo, seguidas de risadas.

-V-você vai.. Você vai me matar... –Ela já estava chorando, caindo lentamente.

-Sim garota... Você vai hahahahahahaha.

Então Tudo ficou preto, ela não enxergava mais nada, até que as lonas do circo foram murchando e caindo, enquanto Risonho vinha em sua direção. Ela tentou correr para a floresta, mas foi impedida pela lona, que como se tivesse ganhado vida, se enrolou na menina, abraçando os dois braços e pernas e os abrindo. Fazendo a menina ficar em forma de ‘’X’’. Ela se contorcia tentando se soltar, mas era inútil, então ela gritou:

-É TUDO UM PESADELO- Ela gritava enquanto fechava os olhos firmemente. –EU VOU ACORDAR NAQUELE MALDITO BANCO DE NOVO E... –Foi então interrompida por Jack.

-Não jovem garota, isso não é um pesadelo... Isso é real HAHAHAHAHHA

Ele já estava a dez passos dela quando então...

Ela sentiu uma dor de cabeça e olhou para Risonho, que estava olhando em volta, enquanto sorria loucamente.

-Então o cara que não pode curtir fotos porque não tem FACEbook, apareceu? HAHAHAHA

O mesmo homem alto e sem rosto que ela viu em seu pesadelo estava á 15 passos do palhaço. O homem sem rosto era duas vezes maior que o palhaço...

-Aquele homem alto... Também é uma CreepyPasta... Slenderman, o sequestrador de crianças. Era ele. E eu aqui, uma vagabunda imprestável sendo disputada por 2 creepypastas...

-Risonho, ela é minha, eu já estava observando ela desde antes dela fugir e vim parar aqui! Ela irá se tornar uma Proxy! –Uma voz, que parecia ser uma voz grossa e uma voz fina misturada, falou, era de Slenderman, ele falava por telepatia. Aquela voz assustou a garota, fazendo ela se contorcer e tentar fugir de novo.

-Olhem só... Então o senhorio irá transformar uma menina em um Proxy? Escolha outro, pois essa é minha!

-Não é mesmo... Risonho, me entregue ela, antes que você se arrependa. -4 tentáculos negros começavam a sair das costas de Slenderman.

-HAHAHAHAHAHAHAHA! –Risonho gargalhou e rolou no chão de tanto rir. –Eu não sabia que um ser que nem tem boca pode ser tão engraçado desse jeito... Mas quanto sua questão –Risonho tirou um pirulito do bolso e colocou na boca- minha resposta é não.

-Você quem pediu!

Dois tentáculos foram em direção á Risonho, que apenas lambia o pirulito. Quando os tentáculos estavam a 1 metro de Risonho, ele apenas desapareceu, deixando uma fumaça cinzenta onde ele estava. E então apareceu sentado na cabeça de Slender.

-Quem você está procurando? Eu posso ajudar?

Dois tentáculos foram em direção ao Risonho, que pulou da cabeça do Slender com um guarda chuva. Donde ele tirou aquilo?

-Você é muito alto em hahahaha.

O guarda chuva foi furado pelos tentáculos do Slender e arremessou o guarda chuva, que Risonho ainda segurava, em direção duma árvore, e lá bateu. Risonho foi se levantando com uma mão na cabeça.

-Essa doeu em...

Então ele correu em direção a Slender, e jogou várias balinhas em direção ao Slender, e explodiram em sua cabeça, o fazendo dar um passo para trás.

-Você está começando a me irritar! -Slender se manifestou.

-Isso não é nem o inicio... –Disse Risonho enquanto corria em direção ao Slender. Os braços do palhaço se esticaram e pegaram nos ombros de Slender, então Jack se arremessou em Slender, e com sua cabeça voou na barriga do alto homem, fazendo o cair. Risonho ficou em cima do peito de Slender.

-Slender... Slender... Você não pode invadir minha mente cara. Você é burro mesmo em...

Um tentáculo saiu de Slender, acertando Risonho, fazendo Risonho voar e cair de nariz.

-Ai ai ai ai ai ai ai ai ai ai a uau aut... Droga Slender –Risonho esticava seu nariz que estava meio amassado- Isso é golpe baixo... Se for assim, eu também vou usar!

Risonho correu rapidamente em direção a Slenderman e pulou, mas foi abortado por um tronco de arvore meio podre, que estava sendo segurado pelo um tentáculo. Risonho foi arremessado para a floresta e desapareceu no breu.

-Esse palhaço maldito... –Slender ‘’falou’’.

Ele foi chegando perto da garota, que tentava se desgrudar da lona, mas que fracassava.

-O que você vai fazer comigo?

-Você verá!

Slender então levantou o braço e quando estava quase encostando o dedo na testa da garota, Risonho do nada apareceu na frente da garota com uma fumaça cinza em volta dele, então Risonho mordeu o dedo de Slender, e o arrancou, fazendo sair um liquido preto do dedo.

-DESGRAÇADO!

Slender deu passos para trás, e ele esticou-se, fazendo o ficar bem alto, uns 4 ou 5 metros. 8 tentáculos saíram de uma só vez das costas do sem rosto, e então, o lugar onde ficaria a boca, foi aberto, rasgando o espaço, e mostrando dentes enormes e uma língua vermelha meio longa saindo da boca. Slender estava realmente irritado.

-Ora, ora. Vejam só, então você tem boca? E olhos e nariz você tem também?? –Disse Risonho rindo.

-EU NÃO TENHO AGORA! MAS UMA CABEÇA INTEIRA ESTARÁ NO MEU ESTÔMAGO DAQUI A POUCO!

Slender então começou a correr igual uma aranha, em direção a Risonho que falou:

-Ai meu Zalgo! Eu morro de medo de aranhas!

Então Risonho tacou balinhas em Slender, que explodiram, mas não fizeram nenhum efeito.

-O-ou  –Risonho falou com o olho arregalado.

Risonho correu em direção a Slender, que também corria em direção ao palhaço.

Risonho esticou os braços que fincaram nos ombros de Slender, fazendo sair o liquido preto. Um tentáculo cortou os braços de Risonho, que caíram, mas não saiu nada dos buracos que ficaram, nem sangue, nem liquido negro, nada!

Slender então engoliu Risonho de uma só vez, fazendo o Palhaço gritar enquanto escorregava goela a baixo. A língua de Slender então lambeu em volta de sua boca, que foi se fechando, e Slender então voltou ao estado normal. Dirigiu-se a moça que estava petrificada, apenas com um sorriso no rosto, e enquanto um tentáculo começava a rasgar a lona para poder pegar a garota, Slender caiu de joelhos com os braços em volta da barriga, ele então começou a se tele transportar por toda a parte em volta da menina, até que parou de tele transportar e ficou de pé, ele ergueu a cabeça para cima e esticou os braços para os lados, até que Jack Risonho pulou da barriga de Slender, com os olhos bem abertos e um grande sorriso, deixando um buraco enorme em sua barriga, fazendo sair litros do liquido preto. Risonho estava coberto pelo liquido, e estava com dois braços novos, ele olhou para seus braços novos e disse:

-Novinho em folha! Acho que é melhor do que os anteriores. Parece que se estica mais longe!  Excelente! –Risonho sorriu e olhou para Slender, que estava caído de joelhos, com os braços caídos de lado e 4 tentáculos que saiam de suas costas, caídos no chão.

-NananinaNÃO! Não vai dormir agora, se não a brincadeira acaba. –Disse Risonho que ria histericamente.

Risonho se aproximou de Slender e arrancou seus braços e tentáculos, que fez Slender erguer sua cabeça para cima, como se estivesse implorando para parar. Risonho então perfurou com seus dedos pontudos, os lugares onde deveriam ser os olhos. Dessa vez, saiu sangue.  A menina sentiu uma profunda dor de cabeça enquanto balançava loucamente a cabeça para os lados para parar! Slender tinha perco o controle de sua telepatia. Risonho então lambeu o sangue enquanto sorria. A boca do Risonho estava agora molhada com o sangue do Slenderman. Risonho então deu um passo para trás e fez um risco com seu dedo pontiagudo no lugar onde deveria ser a boca. Mas era um risco ondulado para baixo, fazendo o Slender ficar com uma feição triste...  Então empurrou o corpo longo da criatura para trás, que simplesmente caiu sem vida.

-HAHAHAHAHAHAHA! Sorte dele que ele vai voltar em um novo corpo... Mas agora posso ser conhecido como ‘’Jack Risonho, o Palhaço que derrotou Slenderman!’’. Até imagino a repercussão que isso vai dar na mansão e no mundo Creepypasta HAHAHAHAHAHA...

Risonho então com sangue escorrendo pela sua boca olhou para a garota com um sorriso diabólico e falou:

-Aonde paramos? 

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória