FANDOM


O Demônio do Sono
Você sabe quando está prestes à cair no sono quando sente um imenso choque passar pelas suas vísceras, ossos, seu sistema nervoso inteiro que abruptamente te deixa alerta? É como uma imensa dose de adrenalina que o violenta com uma sensação única na região das suprarrenais, se ainda está difícil de lembrar. Muitas vezes descrito como se estivesse caindo, como se tivessem te mordido no sono, mas pelo contrário, esse evento tem uma explicação muito mais mórbida do que você pode imaginar.

Você está sendo observado, justamente por estar nessa situação, não pode ver quem (ou o quê..) está te observando, sempre nos confins de sua visão periférica, caso esteja de olhos abertos antes do episódio que te disse, ou encarando o seu nariz, em sua frente, caso esteja tentando dormir de olhos fechados, o que importa é que nunca poderá vê-lo, nem se olhar para outra pessoa dormindo, pois ele também estará no canto do seu olho quando o tentar.

Verá paredes de carne, estará pingando sangue do teto, como uma chuva, alguns ossos entre a estrutura de tais paredes as segurarão, vermes brancos e amarelados rastejarão pelo recinto irregular e decadente, agravam bastante o cheiro podre do local, seus braços estão dobrados e retorcidos como uma corda envolta se si mesmos, atrás de suas costas, seu corpo estará empalado e a estaca que sai pela sua boca e constantemente gira, o deixando tonto e o fazendo vomitar, se sufocando, e não poderá gritar, a estaca invadiu sua garganta, destruindo suas cordas vocais junto. Suas pálpebras foram arrancadas e enfiadas bem no fundo de suas narinas, te impede de respirar por toda essa eternidade, o submetendo à essa agonia, e te impede de fechar os olhos e abandonar aquela vista horrível. Verá jaulas de metal incandescente acima de você, dentro delas, corpos que gritam o tanto quanto você gritaria se pudesse, suas peles derretem e deixam apenas os músculos que tremem como peixes fora d'água. Mais ruídos altos, oscilantes e aleatórios fazem seus ouvidos doerem muito, como um metal do tamanho de um arranha-céu de Xangai arranhando uma lasca de pedra nas proporções do monte Kilimanjaro. As unhas dos seus pés atravessam o chão de carne, prendendo-o ainda mais, enquanto o nível de seu joelho (ou o que restou dele) está coberto por uma inundação de sangue, quente, como se estivessem te cozinhando vivo. Você desejará morrer, pedirá à Deus que por obséquio, o liberte desse inferno, mas tal 'bênção' não virá.

Ele está sempre agravando sua situação enquanto isso, e não está no canto do seu olho, estará de frente, onde pode ver nele um vazio sem significado, de lá, nenhuma conclusão pode ser tomada, ele faz isso por nada, ele existe por nada, ele apenas te atormentará, felizmente, você esquece tudo com o fim do processo, quando ele te toca, te faz esquecer, voltamos ao começo, onde acordas assustado, após o fim de tudo, inocente, para o mesmo poder depois fazer isso de novo, pois na próxima noite, você cairia novamente no seu sono confortável em busca de saciar uma vontade primitiva, e a entidade, brincar com sua carne e sanidade. Ah, e se você for um bom garoto durante esse evento, a entidade pode deixar para trás um gostinho chamado 'pesadelo'.

Ele te aguarda no seu próximo cochilo. Mas não se preocupe, vai passar e não irá se lembrar, mas esteja ciente; irá voltar. --- OC desse bonitã1 insano aqui, que até agora não aprendeu à escrever direito, eu acho. Comente e critique, ajuda bastante a eu melhorar a escrita. ( ͡~ ͜ʖ ͡°)

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória