FANDOM


Bem, vocês já devem ter ouvido falar das histórias dos meus amigos Jeff, Jane e Liu. Todas essas histórias mencionam Randy, Keith e Troy; mas todos sempre se esquecem de um pequeno detalhe: eu estava lá, também, e vou contar minha história para vocês. 2 anos antes dos Woods ( Jef, Liu, Margareth e Peter) chegarem na cidade, eu fazia parte da gangue de Randy. Estranho, não? Uma garota no meio de uma turma de meninos... Porém, nós éramos como quaisquer turminhas de rua, como um dia você também já fez parte. No início, eram apenas faltas nas aulas e boates, mas, depois, passou para drogas e assaltos. Vendo onde isso iria dar, avisei á Randy que iria sair da turma. Mas Randy não aceitou um "não" como resposta, e mandou Keith sumir comigo. Tinha que ser tudo sempre do jeito dele, sempre mandando e desmandando em nós todos, que ódio!! Desculpe, eu estou divagando... Bem, continuando,... Eram as exatas 11 da noite, eu ainda estava acordada, mexendo no meu computador, quando ouvi minha janela abrindo: era Keith. Como estava apenas com uma camiseta e calcinha, além de surpresa, eu estava muito constrangida. Perguntei, quase gritando, o que raios ele estava fazendo na minha casa. Keith, ficou cabisbaixo e silencioso por um tempo, quando tristemente me disse que tinha ordens para sumir comigo. Keith levava suas ordens muito a sério, e eu sabia disso. Recuei um pouco e disse que éramos amigos e que não precisava fazer aquilo. Para completar, eu sabia que ele era apaixonado por mim, e, por causa disso, Keith deixou algumas lágrimas escorrerem de seus olhos, antes de pular em cima de mim. A cada golpe de faça que ele me dava ele dizia " Me perdoe, eu sinto muito". Meus pais me levaram para o hospital local correndo muito, já que viram meu estado quando ouviram meu último grito antes de desmaiar. A última visão que tive foi da minha irmã mais nova segurando minha cabeça, dizendo " Klaire, por favor, não me deixe aqui!! Fique comigo!!" Depois da minha recuperação, eu estava realmente mudada. Fiquei cega de um olho com uma grande facada, com outra, fiquei com uma cicatriz gigante que ia dos meus seios ao meu pescoço e, devido a algum resíduo que Keith jogou em mim, meu cabelo, além de crescer muito, ficou roxo. Depois da minha recuperação, quando vi Randy pegando a carteira de Liu, junto com a de Jeff, eu precisava tomar uma atitude. Entrei na frente dos dois e rosnei para Randy: " Ei, deixe eles em paz!!!" Randy olhou para mim ameaçadoramente, sorrindo: " Klaire! Mas quanto tempo!! Ele dizia, enquanto abria os braços como se fosse me dar um abraço e falava sarcasticamente. Randy olhou para Jeff e Liu e exclamou: " Eu não pensei que vocês fossem tão covardes a ponto de pedir ajuda para uma garota!!" Randy ria, aliás, gargalhava. Troy gargalhava junto com Randy, apenas Keith permanecia calado e um pouco abatido. Respondi: " O único covarde aqui é você, roubando esses garotos! Devia ter vergonha de si mesmo!" Então, Keith finalmente falou alguma coisa " Klaire, não torne as coisas mais difíceis do que elas já s..." Eu o interrompi , em um tom de guerra: " Cale a boca, Keith!! Você sabe que possui um conflito eterno comigo!!" Nisso, Keith calou-se. Tirei minha faca e falei para Jeff e Liu: " Vocês dois, fujam, agora!!" Liu me perguntou: " Mas o que você vai fazer?" Sorri assustadoramente e respondi: " Cortar um velho problema pela raiz!" Nisso, comecei a lutar com Randy e Troy, na tentativa de defender meus novos amigos, enquanto gritava para eles fugirem. Mas eles não fugiram. Era como se uma voz controlasse eles, mas... Por quê eles não fugiram?! Teria tudo sido tão mais fácil! Desculpe, estou divagando, de novo. Bem, então, quando eu estava fora de combate e Randy ia me dar uma facada no peito, Jeff, em questão de instinto, deu um soco no nariz de Randy, fazendo com que este quebrasse. O resto da luta eu não vi, pois desmaiei. Assim que abri meus olhos, que estavam um pouco embaçados, pude ver Jeff olhando para mim enquanto corria com seu irmão para não ser pego. Quanto a mim? Eu fiquei lá sangrando durante 2 horas como uma condenada até a polícia chegar e me encaminhar para o hospital mais próximo. Uma semana antes de ser liberada pelo hospital, eu fugi. E ainda fujo do mundo, em busca de vigança, e quem sabe, encontrar meus amigos Jeff the killer, Homicidal Liu e Jane the killer. Então, se você sofre bulling, e não sabe o que fazer, basta você acender uma vela para mim em uma praça deserta ás exatas 11 horas da noite. A hora exata do início do meu sofrimento. (Risos). Ah, e não se esqueçam: VINGANÇA É UM PRATO QUE SE COME FRIO!!!!!!

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória