FANDOM


Apresentação:Meu nome Eddie,tenho 17 anos e sou muito gordo(muito mais do que você pode imaginar) pelo menos era o que os outros diziam a meu respeito.

Tudo começa com meus pais se mudando para a cidade grande,lá eles me colocam em um colégio que eles julgam ser o melhor para mim!

Meu primeiro dia lá foi o inferno,não foi ruim no ponto de ninguém querer falar comigo(antes fosse isso)meu primeiro dia foi assim,todos riam de mim disfarçando a risada e apontavam seus dedos imundos para minha barriga,já na sala o professor me pediu uma apresentação "Me chamo Eddie,tenho 17 anos e antes daqui eu vivia e estudava no interior."

Após minha apresentação um garoto lá do fundo chamado Alex gritou "Sai da frente saco de areia,tenho que copiar a matéria." Todos começaram a rir e apontar para mim,nunca na minha vida fui tão humilhado! o professor apenas mandou todos calarem a boca e pediu para eu ir sentar em alguma caldeira,escolhi um canto isolado do resto da sala,quando estava prestes a sentar uma garota fala "Professor proteja aquela cadeira de ser quebrada." na hora não entendi nada só via os outros rirem,então perguntei a garota por que ela disse aquilo e ela me responde assim "Além de entupido por banha e bem burrinho." ignorei ela e me sentei,as outras aulas foram disso para pior.

Já havia se passado 1 mês e eu ainda estava naquele inferno,sofrendo cada dia mais,até que fui chamado por um garoto conhecido como Pedro,ele me puxou para o banheiro e lá dentro tivemos uma conversa :

"Ae gordão você já esta cansado de sofrer bullying todo dia por causa de sua banha ?" - perguntou ele. "Mas é claro que sim,tudo que mais quero e poder mudar de colégio,mas meus pais não entendem o que eu passo aqui dentro!" - respondi. "Eu tenho uma coisinha aqui para você gordão." Nesse momento ele tira um revolver de sua cintura e me oferece ele "Com isso aqui você pode acabar com qualquer coisa que esteja te atrapalhando! ".

Sem pensar duas vezes eu aceitei,ele me pediu 20 reais,então eu deu o meu dinheiro do lanche,a ultima coisa que ele disse antes de sair foi: "Quando a casa cair vê se não me dedura hein?! " Eu nem dei bola para aquilo no momento.

Já tinha tudo em mente,já estava preparado para o que iria acontecer,coloquei o revolver com as 4 balas na mochila e fui para o colégio,aquele foi o único dia que fui feliz para lá!

Tinha acabado de dar o sinal para a saída,o colégio esta quase vazio,foi quando eu vi aquela garota que me humilhou beijando o Alex que também fez o mesmo comigo durante 1 mês inteiro,o meu ódio só aumentou ainda mais !

Puxei meu revolver e atirei na cabeça dos dois,eles nem perceberam o que os atingiu,após as duas mortes corri como nunca em direção a saída do colégio,mas na porta Pedro me parou e perguntou: "Você fez aquilo?" Respondi que sim e ele ficou chocado "Nunca pensei que um gordo como você seria capaz disso." ignorei ele,mas enquanto seguia meu caminho pensei "eu matei as pessoas que me provocavam, mas Pedro também me provocava!" foi aqui que eu dei meu terceiro tiro,chegando em casa a unica coisa que vi foi um policial na frente da minha mãe,ela chorava muito e meu pai a consolidava,foi então que pensei "Droga,eles descobriram tudo!!" após essas minhas palavras a minha ultima quarta bala foi disparada,mas dessa vez eu não matei outra pessoa...!

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória